Como chegar a Shanghai

Como chegar a Shanghai

Embora também seja possível ir a Shanghai de trem saindo de Pequim, Hangzhou e outras cidades da China, o mais habitual é chegar a Shanghai de avião, seja de dentro ou fora do país.

Chegar a Shanghai de avião saindo de outros países

Shanghai é o motor econômico da China e sua principal porta de entrada junto com Pequim. Se você planeja viajar por várias cidades, o mais comum é entrar no país por uma cidade e sair por outra, economizando tempo e dinheiro em deslocamentos.

Não há voos diretos do Brasil à China, sendo necessário fazer escala em algum país da Europa, África, Estados Unidos ou Oriente Médio. O preço mais barato de uma passagem de ida e volta saindo do Brasil ronda os US$1.200. Para encontrar os melhores preços, recomendamos reservar com antecedência. Confira as melhores tarifas no nosso buscador de voos baratos.

Se você tiver a sorte de poder escolher a companhia aérea, nossas recomendações são a Emirates Airlines e Qatar Airways, que oferecem um serviço excelente. A Turkish Airlines e a Lufthansa são duas companhias europeias que também são muito recomendáveis. Alitalia, British Airways e Air France também voam para a China.

Se você já tem o voo, nos seguintes links você poderá ver mais informações sobre os diferentes aeroportos de Shanghai e como ir de cada um deles ao centro da cidade:

Ir a Shanghai de avião saindo de outras cidades chinesas

Se você está fazendo um tour pela China e não quer perder tempo viajando de trem, o preço dos voos não costuma ser muito mais alto e reservando com antecedência às vezes é possível encontrar inclusive preços mais baixos.

Para reservar os voos internos na China, recomendamos dois sites locais:

O tempo de voo entre os principais destinos varia entre 2 e 3 horas.

Ir a Shanghai de trem

Embora nós prefiramos voar, os trens na China são rápidos e confortáveis, dependendo da classe que você pegar. Os inconvenientes principais são o tempo de trajeto e o fato de que, se você não reservar com antecedência, não terá um assento tão cômodo.

Para reservar as passagens de trem, o melhor é ir diretamente às estações e reservar com antecedência, especialmente se você quer viajar em um beliche macio. Recomendamos reservar com o maior tempo possível, já que muita gente viaja de trem.

Nas estações principais costuma haver uma cabine com um funcionário que fala inglês corretamente, enquanto nas estações pequenas você terá que levar o nome do destino e a data da viagem escrita em chinês, senão é muito provável que você não consiga comprar nada.

No dia 30 de junho de 2011 foi inaugurada a linha de alta velocidade Pequim – Shanghai, com trens que levam entre 4 e 6 horas em fazer o trajeto de 1.318 quilômetros.